sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Meio caminho andado

Com a aprovação de 99% dos presentes, maior reunião da Assape pede ônibus de verdade já e dá apoio a grupo criado no Conselho


CLIQUE NA IMAGEM E VEJA REPORTAGEM  EM VÍDEO DO ENCONTRO  NA NOITE DO DIA 21
Dessa vez vai. Essa foi a sensação de quem participou da maior reunião dos moradores da Península, nesta quinta-feira quente, 21 de fevereiro de 2013. As imagens e as intervenções falam por si. Um movimento de mais de 4 anos ganhou sua chancela numa votação simbólica, mas emblemática. Dos mais de 150 presentes, apenas 4 disseram não à reformulação do sistema de transportes, que garantirá a maioridade a este espaço bucólico e o equipará aos outros grandes condomínios da Barra.

Dia 18, sob o impacto de um sentimento já consensual, como o CORREIO DA PENÍNSULA tem documentado, o Conselho de Representantes escolheu 4 dos seus membros para elaborar um estudo de viabilização: Paulo Gianini, do Fit; Ítalo Cruz, do San Martin; David Nunes, do Royal Green, e Elmair Neto, do Excelence, terão a responsabilidade de produzir um trabalho completo, com todas as variáveis, e não terão muitas dificuldades: já há levantamentos detalhados feitos por moradores, os quais servirão com ponto de partida.

Embora o prazo para a conclusão do estudo seja de até 90 dias, espera-se uma conclusão  em tempo muito mais rápido, até porque, como se sabe, o tempo urge.

Veja a seguir algumas imagens da reunião que editamos esta madrugada, procurando dar mais vida e mais calor humano à nossa reportagem. É a nossa contribuição para o grande salto que esperamos em defesa da nossa qualidade de vida, do nosso conforto e da nossa segurança.

Mas é também a contribuição sensata da Península  para uma cidade menos poluída e menos estressada.

Uma explicação: o vídeo foi editado durante a madrugada, meio no solavanco,  a partir de duas horas de gravações. Em alguns casos, houve falhas, por que estava ali ao mesmo tempo como cinegrafista e participante atento da reunião.  Na hora de pinçar as imagens, procurei usar algumas intervenções que se complementavam.  Em relação às falas do diretor geral, ele próprio disse que ia mandar por e-mail diretamente. Soube por um morador do Privilege que recebeu o e-mail da Assape ainda de madrugada.  Eu mesmo não recebi. Nem eu,, nem minha esposa.  Parece que houve um disparo seletivo de e-mails, pois outros também não receberam. Pergunta:
Você recebeu o e-mail da Assape com relato da reunião?

79 comentários:

  1. Bom dia
    Sou até a favor da implantação do serviço de ônibus para o Centro mas gostaria de saber que tipo de estudo vai ser produzido pro esses senhores. Eles são técnicos?Entendem do assunto?
    Isso não é assunto para leigos.
    att.
    Carlos

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente estou em viagem fora do Rio.
    Fica aqui minha pergunta: TODOS que participaram e votaram a favor são realmente moradores da Peninsula ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que sim pois tinha lista na porta por condomínio. Quem entrava, dizia o condomínio e assinava.

      Excluir
    2. Devem ser mendigos, ambulantes do entorno, crianças de rua, malabaristas e outros indigentes. É impressionante a cara de pau em querer descredibilizar uma reunião tão amplamente divulgada e participativa dos moradores. Vc é maluco ou comeu merda?

      Excluir
  3. Concordo com os comentários acima.E mais: 150 presentes num universo de 14.000 moradores.
    Como será feito o estudo se a maioria dos moradores ignoram os levantamentos de dados que são necessários a um estudo consistente?
    isso aí é para refletir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca houve tantos moradores numa reunião da Assape. Pesquise as listas de presençadas reuniões e assembléias e verás que a participação dos moradores é sempre mínima. Agora se vc quiser que estejam presentes 7 mil moradores, seria melhor alugar a Arena Multiuso...

      Excluir
  4. Eu estava na reunião de ontem e gostaria de parabenizar a ASSAPE, em especial o GUSTAVO, pela postura que tiveram. Os moradores do Península querem uma ASSAPE que sabe ouvir os anseios dos moradores, e que busque atender às suas necessidades!!!

    É o início dos trabalhos, mas, certamente, com seriedade e competência, o grupo escolhido trará uma solução para esse IMENSO grupo que necessita se deslocar para o Centro/Zona Sul diariamente.

    E os benefícios serão de todos pois teremos menos carros nas ruas e, portanto, menos poluição e maior segurança para todos. Até mesmo os incorporadores poderão se beneficiar, uma vez que é fato que muitas pessoas descartam vir morar no península porque precisam trabalhar no Centro/Zona Sul.

    Como vc falou, Porfírio, é maio caminho andado, mas, com certeza foi dado um grande passo!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kd o IMENSO grupo????

      Excluir
    2. uma agulha no palheiro. kkkkkkkk

      Excluir
    3. Presente!! Olha só, querido anônimo, muita calma nessa hora. Ainda vamos passear no centro de ônibus!

      um abraço

      Excluir
    4. Presente!!!Bom, até onde eu sei o quorum dessa reunião foi um dos maiores até hoje...Pelo menos maior que a reunião de segurança...

      Excluir
    5. Presente.

      Uma agulha no palheiro em termos.

      A reunião foi amplamente divulgada por todos os condomínios da península e a sensibilidade feita na votação simbólica demonstra que, entre os interessados no assunto transporte, a maioria esmagadora deseja, no mínimo, estudar o assunto, para ver a viabilidade de um sistema de transporte eficiente.

      Minimizar a representatividade dos presentes é uma atitude mesquinha e uma absoluta falta de cordialidade com os seus vizinhos.

      A defesa da sua posição é absolutamente legitima, mas deveria ser amparada em argumentos razoáveis e exercida de forma respeitosa. Tentar ridicularizar o interesse dos outros, pelo simples fato de ser oposto ao seu, só vai causar mais atrito entre os moradores e uma rivalidade que, sinceramente, não deveria existir, pois o interesse de todos nós é o mesmo: o bem estar coletivo.

      Assuntos tão relevantes quanto o transporte contaram com um quorum de presentes menor do que o da reunião de ontem e nem por isso as decisões tomadas são contestadas.

      Abraços.

      Excluir
    6. È . Pode ser!!!!!!

      Excluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Se a todos foram convidados pela Assape, onde estavam os contrários aos ônibus? Como falaram na reunião, será que conseguiriam fazer uma abaixo-assinado contra? Falou-se também que havia mais gente do que na reunião sobre segurança, depois da morte da funcionária da Petrobrás. Vão dizer que porque só tinham 120 pessoas na reunião de segurança ninguém está preocupado com segurança? Ora, sejamos razoáveis. Porfírio, parabéns pela sua reportagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desafio esse babaca a fazer um abaixo assinado dos moradores CONTRA o transporte. Vamos ver quem recolhe mais assinaturas, os CONTRA ou os A FAVOR... Falar é fácil, quero ver vc arregaçar as mangas, palhaço!

      Excluir
  7. Sou a favor de todos os beneficios que possam melhorar a qualidade de vida dos moradores e colaboradores da Península. A reunião de ontem foi para exclarecer o trabalho que está sendo realizado pela ASSAPE,adicionar novas ideias e novos estudos aos já existentes.
    Fazermos uma votação sem apresentarmos um estudo bem elaborado é prematuro. Pois, devemos aguardar o estudo que será realizado pela Assape dentro do prazo de 90 dias e analisarmos numa nova reunião. Esta não será direcionada para votar o interesse particular de um ou de outro, e sim, dos moradores da Península. Dessa forma, poderemos chegar a um final feliz que é o objetivo de todos os moradores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns!!!!!
      Pessoa sensata!!!!

      Excluir
    2. A votação foi simbólica, não decide nada. E questionou a intenção de uma reformulação. Claro que só depois do estudo de 90 dias teremos a possibilidade (via conselho comunitário, indiretamente pelos moradores) de decidir.

      Excluir
    3. Anônimo, os conselheiros comunitários deverão buscar a opinião de seus respectivos moradores antes de dar seu voto. Mas, na verdade, acho que o correto é o voto por apartamento !!!!!!

      Excluir
    4. Anônimo original, concordo. A votação, de fato, não produz efeitos jurídicos. Contudo, acho que possui um caráter indicativo muito forte e que deve ser respeitado pelo Conselho e pela Assape na elaboração dos estudos.

      Digo isto pois tenho medo de que o estudo e as discussões no Conselho reflitam uma espécie de maniqueísmo que existe por parte dos moradores. Ou é essencial, ou é uma desgraça. Acredito que deve existir um meio termo que atenda a coletividade, como um todo.

      Excluir
    5. Será que a Assape quer aguardar esses 90 dias para mudar o seu presidente e o vice e vir com desculpas de que será preciso aguardar mais um tempo por questões burocráticas blábláblá ?

      Excluir
    6. Só um detalhe, até agora a Assape não fez nada. Quem está por detrás desse estudo há meses são moradores de vários condomínios da península que vêm se reunindo e gastando seu tempo e dinheiro em prol desse ideal. A Assape apenas fez dar 90 dias de prazo para que o grupo demonstre através de números o que deveria ser de fato trabalho da Assape e não dos moradores...

      Excluir
  8. Beth, na verdade não houve divulgação da reunião de tranporte nos prédios, pelo menos em grande parte deles. A digulgação que ocorreu, pelo que eu saiba, foi através do site da ASSAPE, e através do blog do Porfírio. Quem não tem o hábito de acessar o site ou facebook da ASSAPE não obteve tal informação. Gostaria de saber por sinal, em quais prédios houve/não houve a divulgação da reunião de transporte, através dos elevadores/quadros de avisos. Quem puder, por favor, responda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No Style, teve nos elevadores, nos quadros. E um "bolão" vermelho que era impossível de não perceber.

      Excluir
    2. Somente não houve divulgação no FontVielle, no Bernini e no Mondrian. Nos demais, só não soube da divulgação quem realmente não se intera com nada. Poderia ter entrada ladrão, terrorista no predio e essa pessoa iria dormir sem saber....

      Excluir
    3. Só para esclarecer: a Assape mandou e-mails para todo mundo. Eu, pelo menos, recebi.

      Excluir
    4. Pelo amor de Deus, a reunião foi AMPLAMENTE divulgada, só não tomou conhecimento quem não quis...

      Excluir
  9. Começou o mimimi. Calma gente, o estudo vai mostrar se vale a pena ou não. Vamos esperar para tomar nossa decisão com tranquilidade.

    ResponderExcluir
  10. Gostaria de sugerir a todos observar a postura da Sra. Marilia, conselheira aos 5:37 do video. Quando um morador apresentava seus argumentos, ela diz "se eu estivesse na Mesa, isso não acontecia".

    Esse é retrato daqueles que se acham donos da península!! Anti-democracia!! Acordem, saiam dos apartamentos, participem das assembleias, fiscalizem o trabalho de seus conselheiros!!!
    A farra dos maus conselheiros vai acabar!! NÂO SÂO DONOS DA PENÌNSULA!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa observação! Mostra bem a postura de alguns conselheiros!Gostaria de saber se a Sra. Marilia PERMITIU que fosse colocado o abaixo-assinado nas portarias, o aviso do abaixo-assinado nos elevadores e também se foi duvulgada no prédio dela a reunião de transporte. A mesma pergunta faço aos moradores dos prédios cujos conselheiros são contrários ao transporte.

      Excluir
    2. A Marília colocou um aviso dizendo que os condomínios que colocam ônibus para outras localidades, têm aumentado o seu custo em 271 reais. Isso logo após a reunião. Muito democrática e honesta.

      Excluir
    3. Acordem! Moradores do Green Lake!!! Convoquem uma AGE e destituam esta senhora do cargo de conselheira da Assape. Os moradores podem fazer isso ao tempo que quiserem, basta recolherem 1/4 de assinatura das unidades do condomínio e convocarem assembléia extraordinária. Qual o argumento? Falta de transparência, de ética e de verdade no trabalho da conselheira perante seus representados, e falta de representatividade e de verdade perante à Assape.
      ACORDEM!!!

      Excluir
  11. Não sei onde essa gente quer chegar. Hoje, qualquer um pode comprar um carro em até 60 meses. E aqui sobram vagas para carros. Não falo por mim, que comprei carros para todos os meus filhos e minha esposa, para os garotos foi mesmo carros simples para não chamar atenção dos assaltantes. Sou um empresário bem sucedido, que veio de baixo, mas que trabalhou muito para chegar onde cheguei. Quando vim morar na Península imaginava outra vizinhança, não esses desesperados "sem ônibus" que querem transformar nosso condomínio de classe média alta num RIO 2 ou mesmo numa nova Copacabana. A Assape tem de funcionar como uma empresa, não é para ficar fazendo assembleias. Não é sindicato de petroleiros. Vou me sentir muito mal convivendo com uma frota de ônibus, parando na cidade com o nome da Península, isso vai mostrar que muita gente ainda não entendeu a proposta dos empreendedores, que era de ter aqui só quem podia, que muita gente que não podia veio parar aqui. Como disse antes, quem não pode não se estabelece. Ainda espero que o bom senso prevaleça.Espero que os empreendedores não deixem a Península cair nesse atoleiro, espero que não tenha comprado gato por lebre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido anônimo,
      Pelo visto você cresceu na vida, mas não lê jornais nem viaja ao exterior.
      Pois saiba que há um movimento mundial em favor do transporte coletivo ou de transportes que não poluem o meio ambiente que você deixará para os seus filhos e seus netos.
      Andar de ônibus nada tem de vergonhoso.
      Por favor, deixe de herança para os seus filhos o dinheiro que vc adquiriu, mas deixe um pouquinho de cultura e fraternidade também !!
      Mais um esclarecimento :
      A Assape não é uma empresa, não tem fins lucrativos.
      A Assape é uma associação que deve atender aos anseios de seus associados.
      Caso contrario, ela não precisaria existir.
      Moro em um espaço público, não preciso da Assape para nada.

      Excluir
    2. Boa tarde anônimo.

      Acho que poucas vezes vi um comentário tão superficial, permeado de preconceitos e ignorância. Bem "nova elite" da barra, se me permite o preconceito do lado de cá também. Aliás, nova elite nada, emergente mesmo né?

      Um comentário que começa desdenhando "dessa gente" somente poderia dar nisso. "Essa gente", ou seus vizinhos - como preferir - não está preocupada em poder comprar um carro novo ou não. Até porque a maioria dos moradores do península realmente pode comprar um carro parcelado em 60 vezes. E particularmente, acho que já o fizeram. Contudo, em uma cidade com a mobilidade urbana cada vez mais prejudicada, dentro de um bairro supostamente verde, somente a falta de reflexão e discernimento explicam a tentativa de focar a discussão sobre transporte na questão da capacidade econômica dos moradores da península para comprar um carro adicional.

      Mais lamentável ainda é querer comparar uma associação com uma empresa. Um raciocínio incauto ou uma maldade enviesada? Pois mesmo sendo incabível, a analogia é pessimamente feita. Uma empresa atende os interesses de seus acionistas, mesmo quando minoritários como você dar a entender que "essa gente" é.

      Mas como bem lembrado, a Assape é uma associação, sem fins lucrativos. Ainda bem que o senhor não criou uma, não é?!

      Não bastasse isso, seus preconceitos ainda questionam da capacidade econômica dos "desesperados sem ônibus" que vieram morar aqui. Como se o senhor tivesse pago por nossos imóveis e a você devêssemos prestar contas.

      Lamento que o senhor fique "muito mal convivendo com uma frota de ônibus" (Muito embora a frota já exista, sendo paga por todos nós - inclusive pelo senhor - para atender o interesse de terceirizados e não dos moradores). Mas veja bem, é a vida. Eu também fico mal de conviver com alguns vizinhos e nem por isso peço que eles se mudem.

      Abraços.

      Excluir
    3. Meu Deus!!!!!!!
      Que vizinho desprezível temos na Península!!!!!!!
      Em pleno século 21 ter pessoas que pensam assim.
      Pobre coitado!!!!!!!!!!!

      Excluir
    4. Ao Sr. Empresário: só não fui para o FontVieille, porque minha família e eu utilizamos, na maior parte das vezes, para ir ao trabalho, o metrô ou ônibus, para não perder tempo e dinheiro à toa.

      Isso é questão ecológica, questão social e quantas outras questões você souber. Vai muito além de uma questão financeira.

      Excluir
    5. Este Sr. empresário bem sucedido caga a mesma merda que o mendigo da rua. Pelo grau de ignorância, deve ser o empresário que cresceu na vida pagando propinas à funcionários públicos corruptos e roubando outros empresários honestos, com o bom e velho jeitinho brasileiro. Faça-me o favor, cale a boca pra não falar merda, rapaz! Quem fala demais dá bom dia à cavalo, seu imbecil!

      Excluir
  12. Estou deveras impressionada como teor de alguns comentários aqui postados.
    Pessoas que se intitulam orgulhosamente de nouveaux-riches e batem no peito para dizer que copraram carros para a família inteira. Parabéns!!! Você cresceu, ganhou dinheiro, comprou carros e apartamentos, tal qual se faz num jogo de banco imobiliário. Mas educação e discernimento ainda faltam.
    Países evoluídos não são aqueles em que os ricos apenas andam de carro, mas sim aqueles em que os abastados andam de transporte coletivo. Isso se dá por querer ter e deixar para as próximas gerações uma qualidade de vida melhor, um ambiente ecologicamente preservado.
    Acho que o senhor abastado aí de cima não encara horas de transito para ir ao trabalho, pois deve ter lacaios para fazer isso por ele. Pois eu dirijo, e não me sinto privilegiada por isso. Tenho pena de quem pensa dessa maneira tacanha e preconceituosa.

    Moro no Bernini, e lá teve sim divulgação da reunião, e recolhimento de assinaturas para o abaixo assinado, que foi levado pelo Silvio Izoton, síndico e conselheiro comunitário muito imparcial, do meu prédio.

    Não me escondo atrás de perfis anônimos para expor minha opinião.

    Uma lástima tudo isso...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei o "nouveaux-riches"! Mas como coloquei acima, vamos chamar de emergente mesmo né?

      Sobre o uso de perfil anônimo, prefiro fazer isso para que os nouveaux-riches não venham me obrigar a prestar contas. Afinal, após ler a mensagem dele questionando as decisões dos seus vizinhos em ter um, dois, ou mil carros, estou convencido de que ele está pagando parte das minhas despesas. E se continuar assim, ele vai me mandar para o Rio2...

      Como diria Cartola, rir para não chorar...

      Excluir
  13. "Países evoluídos não são aqueles em que os ricos apenas andam de carro, mas sim aqueles em que os abastados andam de transporte coletivo."

    Perfeito, vi muito isso em Paris!!! Senhoras arrumadas, cheias de jóias no RER, metrô...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. È isso aí!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      Excluir
  14. Eu não costumo usar internete e não conhecia esse tal correio da península, que é meio "paraguaio". Mas um amigo me ligou dizendo que estavam caindo de pau no outro amigo só porque ele foi sincero e não quer ser ludribriado p com essa história de onibus que ele não vai usar. Eu também troquei minha xácara em Nova Iguaçu por uma cobertura na Peninsula, mas também não gosto dessa idéia de onibus e acho que também não precisava nem esses que tem aqui. Vi que uma pessoa disse que em Paris as madamas anda de metrô, duvido mas se for verdade, Paris não é Barra da Tijuca. E o brasileiro gosta de ter seu carro. Na minha firma, que tem 29 empregados, na Avenida Brasil, fora os peões, que são da raia miuda, os chefes e os funcionários do escritorio compraram carros mesmo de segunda mão. Meu gerente de atendimento, que ganha 2 mil reais, tem um Siena 2003 e está muito satisfeito. Eu não tenho filhos e minha patroa nunca dirigiu, mas a minha secretária, que é muito fiel, ganhou um carro da firma e vai todo dia de carro para sua casa em Olaria. Eu tenho uma firma no ramo de pneus e vejo como gente com pouco dinheiro faz um sacrifício para ter seu carrinho, mesmo comprando pneu recauchutado. Já tem muito onibus e tá sempre lotado quando precisa. O meu amigo que é muito rico fez por merecer. Peço que respeitem ele porque ele só foi sincero. Quando os outros condomínios botaram onibus não tinha a Linha Amarela, nem o BRT que o Eduardo Paz, prefeito competente, vai botar para o aeroporto. Porque vocês não vão de frescões, as custas de vocês e não aumentam a despesa da gente? Vocês querem moleza? Como dizia minha mãe em Portugal vai te catar. Estou com o meu amigo e não abro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma pergunta: Pq não volta pra Nova Iguaçu????????( aliás nem devia ter saído de lá)KKKKKKKKKK

      Excluir
    2. Melhor seria Eduardo "Guerra", de paz não tem nada, vizinho dono de borracharia! Uhuu, nova iguaçu!


      Esses anônimos são um barato! E, o mais interessante, é ver o IP que descobrimos de onde vem, muito divertido!

      Excluir
    3. Como consigo descobrir o IP dos anônimos? E como através do IP posso identificar cada um?

      Excluir
    4. Meu amigo, quem tem grana mermo mora é na ZONA SUL! Se vc é ricaço, milionário, dou uma dica: os cinco bairros mais caros do Brasil estão no Rio de Janeiro, sabia? São eles: Leblon, Ipanema, Lagoa, Gávea e Jardim Botânico.

      Onde está a Barra da Tijuca???

      Na península também tem muito bandido só Deus sabe como arrumou dinheiro pra morar lá. Faça-me o favor...

      Excluir
    5. To achando que pelos erros gramaticais esse senhor é o Joelcio e ele quando diz "minha firma" deve estar se referindo à Assape, afinal é o diretor, kkkkkkk...

      Excluir
  15. Não sou contra suburbanos nem o povo da Baixada. Mas esse povo que melhora de vida e vem pra Barra é duro de roer.
    Sobram muito poucos!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saem da baixada, mas a baixada não sai deles...

      Excluir
  16. Esse empresário de pneus é um homem de bom coração. Viu a secretária? Ganhou um carro da firma por que é fiel. Eu ralo o dia todo numa grande multinacional, sou considerada uma profissional competente, estou lá há 14 anos, e até hoje nem bicicleta.

    ResponderExcluir
  17. Prezados Moradores,

    Aproveitando a sugestão de criarmos um transporte da Península para o Centro, haveria a possibilidade de implantarmos um trajeto da Península ao ENGENHÃO (e futuramente p/ o Maracanã)?
    Pois não encontro vaga para estacionar o meu carro, além do acesso ao estádio e o trânsito serem muito complicados.Dentre outros motivos não existe uma linha de ônibus que atenda aos torcedores...
    Com todos esses problemas expostos acima acabo chegando cansado e estressado para desempenhar a minha importante função de torcedor, mesmo não sendo remunerado pelo clube.
    Navegando pelo site da ASSAPE percebi a existencia de uma pesquisa do potencial de condôminos que torcem para cada clube do RJ.
    DESSA FORMA APROVEITARÍAMOS MELHOR O SENTIDO DA COLETIVIDADE.
    Grato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que gracinha....conta outra. Está querendo ironizar?

      Excluir
    2. CLARO QUE TEM COMO, TORCEDOR!
      Basta vc colocar abaixo-assinado por aí e mostrar que existe demanda, maioria, falar com o seu conselheiro e procurar quem faça o mesmo em todos os outros prédios. Aí, de repente vc consegue.
      Boa sorte para vc e para o seu time!

      Excluir
    3. Prezado anônimo, bom dia! (24-02-13, às 19:15)

      Obrigado pela sua sugestão. Vou sugerir à ASSAPE que se realize uma pesquisa. Assim, tentaremos abranger o maior número possível de opiniões. Pois temos que pensar nos nossos filhos quando quiserem ir aos estádios. Espero que não demore muito, pois temos vários eventos batendo à porta: CAMPEONATO CARIOCA, COPA BRASIL, CAMPEONATO BRASILEIRO, COPA DAS CONFEDERAÇÕES E POR FIM A COPA DO MUNDO.
      Mais um vez obrigado pela orientação. Por isso sempre é bom trocarmos opiniões, pois certamente sempre receberemos informações com outros pontos de vista p/ se chegar àquele objetivo almejado.

      OBRIGADO.

      Excluir
    4. Este tipo de transporte é proibido pelo estatuto, é o tal chamado ponto a ponto. O que a Assape poderia fazer é uma pesquisa em seu site identificando os moradores que desejem ir aos estádios e facilitar a contratação de vans a serem rateadas por esses interessados. Eu mesmo me cadastraria para ver os jogos de van pagando diretamente ao motorista, transporte com segurança e conforto, sem stress de estacionamento, etc.

      Excluir
  18. Enquanto uns estão pedindo um estudo sério para melhorar o nosso transporte, a diretoria Assape diz q está estruturando um transporte no qual vai segregar os funcionarios em onibus comuns e o caminho para os moradores eh uma balsa com ar condicionado pro metro da Barra.vamos ser ridicularizados na Barra.Balsa com ar condicionado pro Village?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Onde vc leu isso???

      Excluir
    2. A questão da balsa com ar condicionado foi colocada pelo diretor da ASSAPE, Sr. Joelcio, na reunião. Segundo ele, a construção do pier no shopping Village, bem como a balsa, serão custeadas pelo novo shopping... É esperar pra ver (e crer)...
      Todos lembram quanto nos custou a construção do segundo pier?! E quantos meses demorou até que entrasse em operção?!

      Excluir
  19. De tão insensato, piegas e suburbano, o comentário do nosso vizinho bem sucedido, vindo de baixo chega a ser ingênuo. Francamente. Em vez de dar educação e cultura a seus filhos prefere dar um carrinho para cada um. Uma pena que dinheiro não compre tudo. Ai meu Deus, falou a personagem do Zorra Total: por causo que dinheiro eu tenho, só me falta-me o glamour. Vá ser nojento assim lá em Belford Roxo. Nojeeeento !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coitados dos moradores de Belford Roxo...

      Excluir
  20. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Sr Pedro Porfírio, gostaria de pedir que este triste comentário acima fosse retirado do blog, tendo em vista seu caráter racista, preconceituoso e discriminatório. Sou filho de português com negra e nem por isso meu pai é ignorante e minha mãe vagabunda. Este comentário é o fim! Lamentável!!!

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    3. Mesmo discordando da ponderação, consultando outras pessoas, optei por remover o comentário, conforme solicitação do leitor. Espero não ter de remover outros, pois o segredo do sucesso do nosso blog é a LIBERDADE de todos. Só espero que nunca baixem o nível.

      Excluir
  21. Caro Pedro, parabéns pelo excelente trabalho que faz o sucesso do Correio da Península. Um espaço aberto às opiniões, aos debates, idéias, sugestões e etc. e etc., onde o humor inteligente também está presente. Uma pena eu não estar no Rio para participar da reunião do dia 21 último promovida pela ASSAPE a quem também parabenizo aqui pela abertura ao debate do transporte que poderá trazer uma nova luz a este assunto e quem sabe, talvez, até a sua solução. Com diálogo aberto e seriedade podemos encontrar solução a todos osproblemas do nosso quotidiano. Um abraço !

    ResponderExcluir
  22. Porfirio, não recebi o email da ASSAPE com relato da reunião.

    Gostaria de sugerir um post para nova matéria: Conselheira distribui circular no dia seguinte da reunião da assape utilizando dados errados e tendenciosos

    O condomínio é o Green Garden/Green Lake e a conselheira é a mesma mencionada em comentário acima por uma fala deselegante na reunião. Na circular ela diz que os condomínios da Barra que colocaram os ônibus aumentaram 271 reais na cota. O próprio levantamento apresentado pela ASSAPE na reunião (Diretor Joelcio) mostra que o Rio 2 paga R$ 214,74. E os outros mencionas, bem menos (abm = 150, Rosas = 150,44), sem considerar os outros condomínios da Barra. Ou seja, a conselheira está usando informações erradas para induzir os moradores de seu condomínio contra o transporte.

    O momento atual da Peninsula não aceita mais atitudes como essa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode fazer chegar a mim essa circular? Moro no Saint Barth, bloco 3, apto 201.

      Excluir
    2. Está mais que na hora de desmascarar esta senhora que se acha a DONA DA PENÍNSULA!!!

      POR QUE NO TE CALLAS?!!!

      Excluir
  23. ... E os outros mencionados...

    desculpe, errei

    ResponderExcluir
  24. Prezado Sr. Porfirio, boa tarde!

    Em primeiro lugar quero parabenizá-lo pelo execelente trabalho que Sr. está desenvolvendo. Haveria a possibilidade, desde que não cause transtorno, de divulgar o vídeo da reunião completo. Pois reparei que não apareceram informações importantes p/ podermos analisar determinadas opiniões, não se deixando levar pela emoção. Pois caso contrario, algumas informações poderão passar despercebidas. O objetivo é tentarmos passar todos os pontos positivos ou negativos a respeito do assunto tratado (TRANSPORTE). Com isso, poderemos levar as informações para serem analisadas por um grupo que por algum empecilho não compareceu. Dessa forma, o seu blog se constituíra num grande veículo de informações fidedignas.
    Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo/a
      Agradeço seu comentário, seu incentivo e suas ponderações. Nessa reunião, como já expliquei no pé da matéria, eu cometi várias falhas, porque estava ao mesmo tempo filmando e participando. Como tinha 140 minutos nas duas baterias, desliguei a câmera várias vezes e perdi várias imagens. Na hora de editar, de madrugada, ainda lutou com um problema: não sabia dos nomes de todos os que falaram. E aí seria meio desigual identificar uns e não outros. Na próxima, espero ter alguém me ajudando. Agora publicar toda a reunião na internet será sempre impossível e ninguém terá paciência para ver.

      Excluir
  25. Tenho minhas desconfianças sobre a posição do Gustavo em relação à reforma dos estatutos. Será que ele também está manobrando para deixar a questão dos ônibus para depois de uma "reforma dos estatutos" e com isso ganhar tempo? Noventa dias para uma proposta, depois reforma do estatuto, assim vão empurrando com a barriga. Abril é mês de eleição na Assape. Teoricamente, março é mês de eleição dos representantes nos condomínios. A Carvalho tem apartamentos em quase todos, portanto, tem condição de influir nas eleições dos representantes e assim decidir a eleição da Assape como ela sempre decidiu. ACORDA GENTE

    ResponderExcluir
  26. na verdade estou preocupado com quem vai fazer o tal estudo.Isso é coisa para profissional e não para um grupo de moradores ou a ASSAPE.

    ResponderExcluir
  27. Porfírio, parabenizo e agradeço pela divulgação da reunião. E eu e minha família estávamos viajando e, infelizmente, não pudemos participar. Os relatos dos moradores em defesa da reformulação do transporte foram muito coerentes. Confio na seriedade dos moradores que estão compondo a comissão e, consequentemente, no trabalho a ser apresentado.

    ResponderExcluir
  28. O que voces acham de ter um serviço de LAVA-JATO dentro do PENINSULA,alguem é a favor?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou a favor desde que seja utilizada água de reuso e de chuva. Inclusive eu já sugeri isso à Assape, mas é o tipo da coisa que não tem altos custos e não "interessaria" no momento.

      Excluir

Este espaço é livre para seu comentário. Saiba usá-lo evitando palavras agressivas e ataques pessoais ou inconvenientes.

Web Analytics